Handebol de areia

20/11/2019

Após anos de espera, Paranavaí e Antonina soltam o grito de campeão

Ele foi muito esperado – o grito de campeão que estava enroscado na garganta das equipes de Antonina e Paranavaí finalmente saiu em alto e bom som. As duas equipes que participam há cinco anos dos Jogos da Juventude do Paraná, divisão B, almejavam há tempos realizar esse feito, e ele foi concretizado na última terça-feira (19) na cidade sede do campeonato, Francisco Beltrão.

.
A alegria tomou conta das equipes que conquistaram o ouro (Foto: Carol Flores/JOJUPS)

Os meninos de Paranavaí entraram em quadra com determinação e disputaram ponto a ponto o título com a equipe de Paranaguá. O jogo foi acirrado. Paranaguá fechou o primeiro set em 9x 6.

No segundo período a equipe de Paranavaí se recuperou e encerou em 11 x 9. Com esse resultado a partida foi para o ShootOut e os meninos de Paranavaí levaram a melhor e conquistaram o primeiro ouro da equipe no handebol de areia.

.
O grito de campeão que há muito era almejado finalmente foi solto em Francisco Beltrão pela equipe de Antonina (Foto: Carol Flores/ JOJUPS)

“Foi difícil, mas conseguimos tirar o grito de campeão que estava entalado. Conversei muito com os nossos atletas e acho que o fator psicológico ajudou bastante nessa conquista”, contou a técnica de Paranavaí Cristina Ganzarolli.

Já a disputa pelo ouro no naipe feminino ficou entre as equipes de Cascavel e Antonina. As antoninenses abriram o placar e com um ataque mais positivo e finalizações mais assertivas fecharam o primeiro set em 13 a 4.

.
Nas disputadas das finais a superação entrou em quadra junto com os times (Foto: Carol Flores / JOJUPS)

No segundo período o time de Cascavel conseguiu um reação e empatou em 8 a 8, com isso, o jogo seguiu para a Bola de Ouro. Antonina marcou o primeiro ponto e fechou o jogo em 2 a 0.

“Viemos para essa competição para ganhar, eu tinha certeza que sairíamos daqui com o ouro. Com foco e muito treinamento conseguimos atingir nosso objetivo”, contou emocionado o técnico de Antonina José de Melo Neto.

Goleiros fizeram a diferença

As disputas das finais foram emocionantes e contaram com muita garra em quadra. Os goleiros das equipes que disputaram o ouro no handebol de areia fizeram a diferença.

.
Goleiros fizeram a diferença nas disputas finais (Foto: Carol Flores/ JOJUPS)

Destaque para o goleiro da equipe de Paranavaí, Pedro Henrique Martins, que defendeu todas as bolas do ShootOut.

“Eu conversei com meu goleiro e disse que era a hora dele, que ele defenderia todas as bolas. A atuação dele fez a diferença para a conquista do ouro”, ressaltou a técnica de Paranavaí, Cristina Ganzarolli, que já atuou como goleira e destaca da importância da posição em momentos decisivos.

Confira como ficou o ranking final do handebol de areia clicando aqui

A 32ª edição dos Jogos da Juventude do Paraná (JOJUPS), Divisão B, é uma realização do Governo do Estado, por meio da Superintendência do Esporte, com o apoio da prefeitura de Francisco Beltrão. 

Acompanhe também a fanpage dos JOJUPS: www.facebook.com/jogosdajuventudeparana 

 

COM/JOJUPS

Carol Flores

karolflor@gmail.com

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.